Revisão aberta de manuscritos: vantagens e dificuldades

    A despeito de estar passando por transformações para torná-la mais sustentável, rápida e eficiente, a avaliação por pares é o processo que contribui para aumentar a qualidade e confiabilidade da comunicação científica. O modelo atual, que consiste principalmente de avaliação pré-publicação, vem enfrentando críticas por ser pouco fidedigno e inconsistente, demorado, caro, dar margem a vieses, e não oferecer incentivo aos pareceristas. A abertura da avaliação por pares se apresenta como uma alternativa viável e sustentável, e apresenta inúmeras possibilidades, que serão apresentadas e debatidas.